📜 13 de maio – Vamos contar a história da Abolição de um jeito diferente?

🥁 Os Congados são patrimônios imateriais de minas.
Salvaguardar seus saberes e expressões é um dever que temos para com a verdadeira história do Brasil.
👉 Por meio dos seus mitos e ritos o Congo se apresenta como símbolo de união, valorização da cultura ancestral do povo preto escravizado e direito a TODAS as pessoas de exercerem sua LIBERDADE política, social e religiosa.
🪘 As Confrarias sempre estiveram intimamente ligadas ao sistema social. Nesse espaço era permitido aos pretos o uso de instrumentos de percussão para suas músicas e danças.
⚠️ Se por um lado esses rituais foram utilizados pelo sistema escravista como mecanismo de controle, por outro, eram um meio do povo preto vivenciar aspectos de sua própria cultura.
Uma lenda conta que os escravos viram uma imagem santa vagando nas águas do mar.
Os brancos a resgataram e colocaram-na em uma capela onde não era permitida a entrada de escravos.
🌊 Apesar da devoção oferecida diariamente, no dia seguinte a imagem sempre desaparecia do altar e era avistada novamente no mar.
🙏🏿 Após muita insistência, os brancos se renderam e permitiram que os escravos rezassem para a imagem. Então, uma grande guarda de Congo se formou!
🎊 Embalados por um ritmo saltitante, cantos alegres, coreografias e cores vibrantes, foram ao local onde estava a Santa e a levaram devagar (sempre devagarinho) de volta à Capela.
⛪ No dia seguinte, uma multidão de pessoas estava reunida em frente à Capela para verificar se a imagem havia “escapado” outra vez. Mas não. Ela estava lá, em seu altar.

Serviços

Editais
Nota Fiscal
Notícias
Agenda e Eventos
Diário Oficial
Portal da Transparência

Secretarias

Defesa Civil (COMPDEC)
Secretaria Municipal de Transporte
Secretaria Municipal de Obras
Secretaria Municipal de Agricultura
Secretaria de Educação, Cultura, Esporte, Lazer e Turismo
Secretaria Municipal da Fazenda